Nova frota em Ourém

Foi inaugurada, no passado dia 8 de março, a nova frota afeta à prestação de serviços da SUMA no município de Ourém, num evento que contou com a participação do Presidente da Câmara Municipal, Luís Albuquerque, e do Presidente do Conselho de Administração da SUMA, Jorge Rodrigues. A relação de confiança firmada e o comprometimento da SUMA com a garantia de satisfação das necessidades emergentes do município motivou a renovação do parque de viaturas, num investimento que ascendeu a cerca de 1,2 milhões de euros. Renovada em 2016, a atual ligação contratual da SUMA com Ourém vigorará até 2021.

Divididas em cinco viaturas recolhedoras/compactadoras de RSU de diversas capacidades, uma viatura lava contentores de 8.000 litros e uma viatura varredora-aspiradora, as viaturas pesadas que estão, agora, ao serviço da salubridade e higiene públicas deste município, seguem a norma Euro 6, apresentando baixas emissões de partículas e de poeiras finas, baixa emissão de CO2, redução dos consumos de gasóleo e do ruído produzido, cumprindo com as mais recentes normativas europeias para esta área.

Luís Albuquerque destacou a importância do investimento para a melhoria do serviço prestado”. “O município ficará mais bem servido”, declarou, salientando que os munícipes “também irão beneficiar e muito desta nova frota”. Agradecendo o esforço da empresa, o edil adiantou que o trabalho desta é “válido” e apontou ainda o empenho da SUMA para prestar um “serviço adequado” em Fátima por ocasião das grandes peregrinações ao santuário.

Tendo o primeiro contrato tido início a 12 de fevereiro de 1996, Ourém constitui-se como um dos municípios “históricos” da SUMA. Aos serviços inicialmente prestados de recolha de RSU e transporte a destino final, de fornecimento, manutenção, lavagem e desinfeção de equipamentos de contentorização, e de limpeza, através de atividades de varredura manual e mecânica, nos núcleos urbanos das freguesias, e em especial Ourém e Fátima, foram adicionados, através das diversas alterações e renovações ao contrato, serviços adicionais e complementares de reforço dos padrões de limpeza do município, tendo em consideração as localizações e os momentos mais relevantes.

A cidade de Fátima, polo de elevada convergência de peregrinos e de turistas, foi uma das principais destinatárias destas alterações, passando, desde 2011, a usufruir de reforçados serviços de limpeza ao domingo de manhã, em festas e peregrinações, e de uma brigada de limpeza diária (piquete), para limpeza das ilhas ecológicas. Foi, também, acordada na mesma data, a formalização da realização de campanhas de sensibilização ambiental que vinham já ocorrendo no município, no sentido de dotar os seus habitantes de maiores índices de maturidade cívica.